Milage Aprender+

A app Milage Aprender+ é uma aplicação gratuita desenvolvida pela Universidade do Algarve no âmbito de um projeto Erasmus. 

Inicialmente foi desenvolvida para a disciplina de Matemática mas atualmente já pode também ser utilizada nas outras disciplinas.

Este projeto conta com o apoio da Direção Geral de Educação (DGE). 

A app Milage Aprender +:

  • permite aos alunos a resolução de exercícios com diferentes níveis de dificuldade (tem fichas de dificuldade inicial, intermédia e avançada);
  • incorpora características de gamificação, em que os alunos ganham pontos pelos exercícios que resolvem, e inclui um esquema de autoavaliação e de avaliação pelos pares, de forma a promover o trabalho autónomo e a motivar o envolvimento dos alunos no seu processo de aprendizagem;
  • é uma ferramenta de apoio ao estudo individual e autónomo do aluno (em casa e na escola);
  • procura motivar os alunos para aprender a disciplina através da exploração de ferramentas matemáticas suportadas pelas tecnologias de informação e comunicação.

 

  • Como funciona?
  • Os alunos necessitam de instalar a aplicação num smartphone ou tablet.
  • Escolhem uma ficha, resolvem cada um dos  exercícios em suporte papel e tiram uma foto (ou mais) para enviar para a plataforma. 
  • Seguidamente terão acesso à proposta de resolução feita pelo professor, bem como à distribuição do total de pontos da pergunta pelas diferentes etapas. O aluno fará a sua própria autoavaliação e regista os pontos que considera que a sua resolução deve ter.
  • Se tiver dúvidas na resolução poderá ver o vídeo com a resolução detalhada.
  • Depois de resolver toda a ficha, o aluno poderá avaliar um dos seus colegas que também já tenha terminado toda a ficha, ganhando assim mais pontos.

 

Esta app começou a ser usada na Escola Básica Manuel do Nascimento, Monchique, no ano letivo 2019/2020, na disciplina de Matemática, com as turmas A e b do 8.º ano. Atualmente, em 2020/2021, é utilizada em todas as turmas do 3.º ciclo, na disciplina de Matemática, e também nas turmas do 8.º ano, na disciplina de Físico-Química. Além disso, também já está a ser utilizada nas turmas A e B do 5.º ano e na turma B do 6.º ano, apenas na disciplina de Matemática.